Água Verde: (41) - 3020-7800

A importância do AVCB para o seu condomínio

Documento em dia traz mais tranquilidade e segurança aos moradores

Você sabe se o edifício em que trabalha ou mora tem o AVCB atualizado? Se a resposta for negativa, é bom se informar, pois sua segurança pode estar seriamente em risco.

O Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros (AVCB) é um documento que serve para atestar que a edificação e suas áreas comuns estão em dia com as medidas de segurança e pânico contra incêndio exigidas pelos bombeiros. Apesar de ser obrigatório, não é raro se deparar com condomínios residenciais, comerciais ou mistos que não possuem o documento em dia.

A obtenção do AVCB é cara e complexa, o que contribui para que seu processo seja abandonado no decorrer de sua execução, mas além de ser extremamente importante para a segurança local, ter o AVCB ativo é obrigatório e acarreta em multa no caso da não obtenção e não renovação – sim, no Estado de São Paulo, ele tem que ser renovado a cada um, dois ou três anos, dependendo de sua finalidade. Esse prazo pode mudar de acordo com a legislação de cada Estado.

É preciso mudar essa mentalidade de negligenciar o AVCB e conscientizar não só os responsáveis legais pelas edificações, como também cada pessoa que frequenta o prédio, pois uma das etapas do Auto é o atestado da brigada de incêndio, que nada mais é do que a capacitação que o condomínio deve oferecer periodicamente e que na prática, infelizmente, não é muito frequentada por parte dos condôminos. Quando bem treinadas, essas brigadas fazem os primeiros socorros enquanto os bombeiros estão a caminho e isso faz a diferença entre a vida e a morte das vítimas em caso de incêndio.

Se houver necessidade de acionar o seguro em virtude de uma ocorrência, a seguradora pode se negar a pagar pelos danos causados pelo fogo se o AVCB não estiver em dia. Existem empresas no mercado que não efetivam a contratação do seguro se o AVCB não for apresentado e estiver em dia. Além disso, se houver algo mais trágico, como uma morte, o síndico pode responder civil e criminalmente por isso.

Com segurança não se brinca e o AVCB não pode ser encarado como uma documentação que se tem por mera formalidade, pois são vários os itens verificados durante o processo de obtenção e eles não se restringem apenas aos sistemas de combate a incêndio como extintores, hidrantes, corrimãos, portas corta-fogo e sinalização de emergência, são verificadas as instalações de gás para avaliar as condições da tubulação, a escada pressurizada (se houver), é feito um laudo elétrico, dentre outros cuidados. Até mesmo a disposição dos móveis é levada em consideração, pois podem dificultar ou obstruir uma possível rota de fuga.

Prevenção é a palavra de ordem e quando envolve a manutenção da vida, requer ainda mais cuidado.

Fonte: https://intertvweb.com.br